Piauí recebe maior lote de vacinas da Pfizer e vai distribuir para os 224 municípios pela 1ª vez

Foto: Reprodução

O Piauí recebeu, na tarde desta terça-feira (8), 35.100 doses da vacina Pfizer. A vacina será destinada para primeira dose de 5% das pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, gestantes e puérperas com comorbidades, além de 4% das forças de segurança e salvamento e forças armadas e 12% dos trabalhadores do transporte aéreo. 

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado (Sesapi), a vacina será distribuída para todos os 224 municipios após mudanças anunciadas pela Anvisa na forma de armazenamento do imunizante.

A partir de agora, os frascos fechados podem ser armazenados e transportados entre -25°C e -15°C por um período único de até 2 semanas e podem retornar a -90°C a -60°C.”

Os novos limites de conservação serão acrescentados na bula da vacina e não alteram o período de validade total do produto, que é de seis meses.

Antes da mudança, a bula definia que a vacina devia ser “mantida no congelador a uma temperatura entre -90°C e -60°C” e que, “uma vez retirada do congelador, a vacina fechada pode ser armazenada por até 5 dias entre 2°C e 8°C”.

A Sesapi informou ainda que a maioria das cidades já capacitou os profissionais para manusear as doses. A Secretaria vai enviar uma nota técnica para todos os municipios orientando como proceder com a vacina da Pfizer.

Segundo a Secretaria de Saúde do Estado, esta é a maior quantidade do imunizante já entregue ao estado. “O Piauí vem realizando um trabalho incansável para que as vacinas cheguem a todos os grupos contemplados”, destaca o secretário de Estado da Saúde, Florentino Neto. 

“De acordo com o Ministério da Saúde, cada etapa da vacina Pfizer está sendo acompanhada de treinamentos específicos para promover a garantia do adequado manuseio da vacina, uma vez que a utilização dos imunizantes foi liberada primeiramente para as capitais e no decorrer dos lotes a Anvisa permitiu seu uso por cidades do interior, mediante conservação a temperatura de geladeira, entre 2ºC e 8ºC, por até 31 dias”, explica a diretora de Vigilância em Saúde da Sesapi, Cristiane Moura Fé.

Foto: Reprodução

Fonte: Hérlon Moraes/ Cidade Verde/ Com informações da Sesapi

Siga-nos no Instagram @pinewsoficial
Inscreva-se em Nosso Canal

Deixe um Comentário

Loading Facebook Comments ...