Piauí recebe novo lote com 129 mil doses de vacinas contra a Covid-19

Foto: Reprodução

O Piauí recebeu na madrugada desta sexta-feira (2) 129.250 doses de vacinas contra a Covid-19, que serão distribuídos para os municípios piauienses.

São 120 mil doses da CoronaVac e 9.250 da Oxford/AstraZeneca. Segundo a secretaria estadual de Saúde, esse é o 11º lote de vacinas que chega ao estado e as doses já possuem destinação certa.Uma parte das doses será usada para a primeira fase da vacinação de 6% do grupo de segurança e salvamento que estão linha de frente do enfrentamento à doença.

A medida acontece após o governador Wellington Dias (PT) ter sancionado lei que contempla a categoria dos policiais e agentes de segurança como prioridade na vacinação

Piauí recebe doses de vacina contra a Covid-19 — Foto: Divulgação/Ccom
Piauí recebe doses de vacina contra a Covid-19 — Foto: Divulgação/Ccom

As doses também vão contemplar 1,26% do grupo de idosos de 65 a 69 anos. “Este lote vai permitir o início da vacinação dos grupos de segurança e salvamento e indígenas que foram aprovados em CIB, pela Sesapi, e daremos continuidade à imunização dos idosos de 65 a 69 anos”, afirmou o secretário de estado da Saúde, Florentino Neto.

As doses da vacina Oxford/AstraZeneca, uma parceria da FioCruz com a Universidade de Oxford, serão destinadas à imunização de 10% dos trabalhadores da saúde, que receberam a primeira dose e que com três meses precisam ter a aplicação da segunda dose.

Já a segunda dose das vacinas da Coronavac, do Instituto Butantan, será destinada a 7% dos trabalhadores da saúde, 87% para o grupo de 77 a 79 anos e 13% dos idosos de 70 a 74 anos. O Piauí também recebeu a segunda dose para 65% dos idosos de 70 a 74 anos.

Doses de vacina contra a Covid-19 vão ajudar a campanha de vacinação — Foto: Divulgação/Ccom
Doses de vacina contra a Covid-19 vão ajudar a campanha de vacinação — Foto: Divulgação/Ccom

Campanha de vacinação

Até o momento, o vacinômetro, ferramenta para acompanhar a evolução da campanha de vacinação contra a Covid-19 no Piauí, aponta que 268.850 pessoas já receberam a primeira dose de vacina no estado e 52.063 a segunda dose.

O Painel de Monitoramento da Vacinação contra a Covid-19 pode ser acessado através do site www.saude.pi.gov.br.

Vacina do Instituto Butantan — Foto: Divulgação/Ccom
Vacina do Instituto Butantan — Foto: Divulgação/Ccom

Medidas restritivas

Com o agravamento da pandemia, o número de casos também está em constante crescimento e as taxas de ocupação dos leitos em alta. Para tentar conter o avanço da doença, o governo do estado determinou a aplicação de medidas restritivas que seguem até as 24h do domingo, 4 de abril.

Entre as medidas mais rígidas está o fechamento de praias e suspensão do transporte intermunicipal, para evitar viagens durante o feriado prolongado, além da proibição de vendas de bebidas alcoólicas e o funcionamento apenas de serviços essenciais.

Até 4 de abril:

  • Toque de recolher das 21h às 5h;
  • Funcionamento apenas das atividades consideradas essenciais no estado;
  • Proibido uso de praias, balneários, cachoeiras e parques no Piauí;
  • Proibida a venda de bebida alcóolica em estabelecimentos como mercados, supermercados e hipermercados. Também não é permitida a venda por delivery.

Até 4 de abril estão suspensas todas as atividades presenciais econômico-sociais, com o funcionamento apenas das atividades consideradas essenciais.

Podem funcionar:

  • mercearias, mercadinhos, mercados, supermercados, hipermercados, padarias e produtos alimentícios;
  • farmácias, drogarias, produtos sanitários e de limpeza;
  • oficinas mecânicas e borracharias;
  • lojas de conveniência e serviços de alimentação situadas em rodovias, estaduais e federais, exclusivamente para atendimento de pessoas em trânsito (viajantes), proibida a venda de bebidas alcoólicas;
  • postos revendedores de combustíveis e distribuidoras de gás;
  • hotéis, com atendimento exclusivo dos hóspedes;
  • distribuidoras e transportadoras;
  • serviços de segurança pública e vigilância;
  • serviços de alimentação preparada e bebidas não alcoólicas exclusivamente por delivery ou drive-thru.
  • serviços de telecomunicação, processamento de dados, call center e imprensa;
  • serviços de saúde, respeitadas as normas expedidas pela Secretaria de Saúde do Estado do Piauí;
  • serviços de saneamento básico, transporte de passageiros, energia elétrica e funerários;
  • agricultura, pecuária, extrativismo e indústria;
  • bancos e lotéricas;
  • transporte de passageiros, obedecendo as regras do decreto.

Fonte: G1 PI

Siga-nos no Instagram @pinewsoficial
Inscreva-se em Nosso Canal

Deixe um Comentário

Loading Facebook Comments ...